Próxima expansão de Hearthstone terá mais de 100 novas cartas

Próxima expansão de Hearthstone terá mais de 100 novas cartas

Último Vídeo

Podem comemorar, fãs de Hearthstone: Heroes of Warcraft: a próxima atualização do game de cartas e estratégia será realmente grande e deve trazer muitas novas opções para você montar exércitos — fala-se em mais de cem novas possibilidades, o que deve fazer com que muita gente precise reestruturar o deck ou repensar os estilos de jogo. Não há data marcada, mas notícias serão dadas "muito em breve".

Quem revelou a informação foi o diretor de produção da Blizzard, Jason Chayes, em entrevista ao Polygon. "Acho que vamos mexer um pouco as coisas no próximo lançamento, que será nossa primeira expansão. Ela terá muitas cartas, estamos falando em mais de umas cem. Teremos um tema central para como isso se encaixa junto, é a próxima coisa que virá por aí", explicou.

Chayes revelou que uma das maiores discussões da equipe é o ritmo não só do game em si, mas das atualizações — elas devem sair em um bom ritmo e agradar tanto quem não para de jogar quanto os novatos. Para efeitos de comparação, Curse of Naxxramas adicionou bastante conteúdo ao single-player, é verdade, mas foram somente 30 novas cartas.

O que o futuro aguarda?

"Há a ideia de expandir e termos novos modos em que os gamers joguem em formatos diferentes. Não é algo que estamos olhando de início, já está um pouco avançado, porque querendo continuar explorando os modos que estão lá", comenta o produtor. Ele falou que a equipe ficou satisfeita com o estilo semanal dos lançamentos de Curse of Naxxramas: eventos futuros que mesclem single-player com expansões com diferentes experiências podem durar até um ano.

Mas não tem jeito: o que a Blizzard quer mesmo é prender o jogador por mais tempo possível. "Uma das coisas que definitivamente queremos é ter certeza de que há formas de continuar jogando com todas as suas cartas, e que é um sentimento bom participar desses vários modos", conclui Chayes.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.