PS5: produção será limitada e console custará US$ 499 a 549 [RUMOR]

PS5: produção será limitada e console custará US$ 499 a 549 [RUMOR]

Último Vídeo

Faltando dois meses para o meio do ano e com a pandemia de coronavírus afetando gravemente muitas produções globais, fica a dúvida do que o futuro reserva para os consoles da próxima geração. Hoje (16), de acordo com o que fontes anônimas reportaram ao site Bloomberg, a Sony planeja produzir bem menos unidades do PlayStation 5 em seu primeiro ano em relação ao lançamento de seu antecessor e trazer o console a um preço possivelmente mais elevado do que o esperado (entre US$ 499 e US$ 549).

Produção em menor escala

(Fonte: Sony/Reprodução)(Fonte: Sony/Reprodução)

Segundo as fontes, a empresa irá limitar sua produção inicial por acreditar que as especificações ambiciosas do PS5 irão pesar na demanda e gerar um alto preço no lançamento. Aparentemente, a pandemia da covid-19 afetou os planos promocionais da Sony para o novo dispositivo (marketing, divulgação e eventos), mas não sua capacidade de produção.

De acordo com outros indivíduos envolvidos na cadeia de fabricação do console, a gigante de tecnologia japonesa disse aos parceiros de montagem que produziria de 5 a 6 milhões de unidades do PS5 no ano fiscal (que termina em março de 2021). Um valor realmente bem menor do que no lançamento do PlayStation 4 em novembro de 2013, que atingiu 7,5 milhões de vendas em apenas seis meses.

O preço mais alto do novo aparelho também pode impedir a aceitação inicial. Os desenvolvedores de jogos que estão trabalhando em títulos para o futuro console prevêem que seu preço esteja na faixa de US$ 499 (cerca de R$ 2.614,11) a US$ 549 (cerca de R$ 2.876,05), afinal, existe o aumento dos custos de componentes, o que torna necessário elevar o preço para poder gerar lucro. A Bloomberg News informou que a Sony vem lutando com a decisão de estabelecer preços para o PS5, devido a escassez de componentes.

O PlayStation 4 servirá para atrair novos usuários

(Fonte: Shutterstock/Reprodução)(Fonte: Shutterstock/Reprodução)

Aparentemente, a estratégia da Sony será utilizar os modelos atuais do PlayStation 4 como uma forma de atrair novos usuários, enquanto o PS5 permanecerá como uma espécie de oferta limitada. Sendo assim, é bem provável que os preços dos consoles desta geração sejam reduzidos no momento de lançamento de seu predecessor.

Além disso, parece que apenas poucas pessoas dentro da empresa realmente sabem qual será a aparência do PS5, e o design do controle foi revelado às pressas para evitar possíveis vazamentos.

Mesmo com a pandemia, é muito improvável que a Sony adie o lançamento do novo aparelho na temporada crítica de compras no final do ano. Enquanto a Microsoft não adiar o lançamento do Xbox Series X, o lançamento do PS5 também não terá atrasos, segundo as fontes da Bloomberg.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.
Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários