Voxel
119
Compartilhamentos

Resumão: confira tudo que rolou na apresentação do Switch

Último Vídeo

Para muitos, a sexta-feira 13 é um dia de misticismo e muito azar. Porém, esse conceito passa bem longe dos fãs da Nintendo, já que hoje a casa de Mario enfim revelou tudo aquilo que gostaríamos de saber sobre o Switch em uma conferência. Tudo bem, o horário foi um pouco ingrato e deve ter feito muitos deixarem para acompanhar as novidades durante o dia. Se você está nesse grupo, o nosso resumo do evento promete dar uma forcinha nesse sentido.

Preço e data de lançamento

Esta com certeza é a informação mais importante para muitos. Já sabíamos que o Switch chegaria às lojas em março, mas agora temos a confirmação de que isso vai acontecer exatamente no dia 3 do mês em questão. Já o preço promete estar dentro daquilo que alguns esperavam: 299 dólares, o que daria algo em torno de 948 reais.

Além disso, quem acompanha o mercado de jogos sabe que, infelizmente, tem game que é lançado apenas no Japão e acaba passando bem longe do Ocidente. Porém, agora isso não vai ser mais um problema, já que o Switch vai chegar às lojas sem nenhum tipo de bloqueio de região.

Controles pequenos, mas poderosos

A apresentação também serviu para que a Nintendo divulgasse mais algumas informações sobre os Joy-Con, os controles que serão usados no Switch. Se você estava de olho nas notícias deve ter visto que, além de pequenos, eles também são removíveis e totalmente autônomos, além de contarem com a função Rumble HD que pode simular pequenos objetos dentro do acessório, como gelo e até mesmo água.

Logo você também vai ter essa sensação com o Switch no conforto da sua casa

Por falar em acessórios, é bom preparar o bolso. Caso precise comprar os controles separadamente vai ter que desembolsar US$ 49,99 (o equivalente a R$ 158) para comprar um Joy-Con ou US$ 79,99 (R$ 253) para levar os dois para casa. Já o modelo Pro vai custar US$ 69,99 (cerca de R$ 222), o carregador para o Joy-Con sai por US$ 29,99 (R$ 95) e um dock adicional é oferecido por US$ 90 (R$ 285). É, essa não vai ser uma brincadeira muito barata caso precise de substituições.

Recursos e informações adicionais

Muita informação até aqui? Então é bom se preparar, pois ainda tem mais antes de chegarmos aos jogos. Falando sobre a tela que serve como um portátil, sabemos que ela tem 6,2 polegadas, resolução 720p e é sensível ao toque, além de ter uma bateria que dura algo que pode ir de três a seis horas e meia.

Fechando esse pacote, finalmente um console da Nintendo vai ter um plano de assinatura parecido com o que vemos na PlayStation Plus e na Xbox Live. Caso opte por pagar a mensalidade, você vai ter acesso a dois títulos do NES e do SNES por mês, e aparentemente eles vão durar 30 dias. Bem, talvez esse não seja o sistema perfeito e que muitos esperavam, mas tendo em vista os jogos de ambas as plataformas podemos dizer que é um bom começo.

Finalmente um console da Nintendo vai ter um plano de assinatura parecido com o que vemos na PlayStation Plus e na Xbox Live

Ah, outro detalhe muito importante antes de partirmos para os games: caso queira jogar online, você vai precisar desembolsar uma graninha também. Curiosamente, você sequer vai poder montar grupos com outros jogadores se fechar a carteira, e vale até dizer que as equipes serão formadas utilizando um aplicativo para smartphone. Como tudo isso vai funcionar? O jeito é esperar um pouco mais para saber.

Mario e Zelda: os carros-chefes

Nintendo não é Nintendo sem Mario e Zelda, não é mesmo? Para alegria geral da nação nintendista, as duas séries apareceram durante a apresentação com Super Mario Odyssey e The Legend of Zelda: Breath of the Wild.

Começando pela nova aventura de Link, a Big N disse que o jogo vai chegar às lojas junto com o console em 3 de março, além de divulgar um novo trailer mostrando o protagonista, Zelda, belos visuais e tudo aquilo que se espera de um bom título da série.

Já Super Mario Odyssey... Ah, esse é só alegria. Diferente de outros games do encanador, dessa vez ele está em ambientes reais, que incluem prédios e até mesmo pessoas, e vai usar o poder do seu chapéu e suas habilidades para resgatar a princesa Peach das garras de Bowser mais uma vez.

RPGs e outros títulos de peso

Bem, Mario e Zelda certamente cativaram o público, mas uma empresa não pode viver apenas disso, não é mesmo? Por conta disso, a Nintendo trouxe reforço de peso para o Switch, especialmente para os fãs de RPG. Xenoblade Chronicles 2, um novo jogo da Square Enix chamado Project Octopath Traveler, Dragon Quest X, Dragon Quest XI e um novo Shin Megami Tensei são apenas alguns exemplos daquilo que está por vir para animar as coisas.

Aliás, pode ficar tranquilo que também tem mais coisas, como o retorno triunfal de Bomberman em Super Bomberman R, Mario Kart 8 Deluxe (que é uma versão com novidades do game para Wii U), Fire Emblem Warriors e até mesmo Ultra Street Fighter 2 para os fãs de uma boa pancadaria.

Agora, a pergunta que não calar: você comprou a ideia da Nintendo para o Switch? Pretende adquirir o console no lançamento ou prefere esperar um pouco mais? Deixe a sua opinião no espaço destinado aos comentários.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.