Voxel

Retro Studios explica o motivo de estar trabalhando em outro Donkey Kong

Último Vídeo

Muito se especulava sobre qual seria o projeto tão misterioso no qual a Retro Studios, dona de Metroid Prime e outras adaptações bem-sucedidas da Nintendo, estava trabalhando. Frustração para alguns e boa notícia para outros, tudo o que a desenvolvedora mostrou na Nintendo Direct da E3 foi o game para Wii U Donkey Kong Country: Tropical Freeze, sequência espiritual do aclamado jogo do gorila para o Wii.

Os jogadores esperavam uma casquinha de Metroid ou até mesmo que uma franquia inédita fosse anunciada pela desenvolvedora, mas ficaram a ver navios. Não que Tropical Freeze seja fraco, longe disso; ele só não tem um hype tão alto assim.

Mas a Retro Studios elegantemente se pronunciou a respeito e explicou por que decidiu trabalhar em outro Donkey Kong em vez de algo novo ou diferente. No vídeo acima, o presidente e CEO da desenvolvedora, Michael Kelbaugh, justificou a decisão a Reggie Fils-Aime, presidente e diretor da Nintendo nas Américas.

Img_normal

“Depois de DKCR, tínhamos muito gás no tanque, muitas coisas legais que queríamos fazer: as fases aquáticas, a câmera 3D, enfim, estávamos muito empolgados em trabalhar com Donkey Kong e queríamos continuar esse trabalho. O hardware do Wii U permitiu que fizéssemos coisas muito legais. Então foi algo natural migrar da versão de Wii para Wii U com o mesmo grau de empolgação e muitas novidades”, declarou Kelbaugh.

Resta torcer para que a Retro Studios, vista por muitos como a “nova Rare”, trabalhe em algo novo no futuro.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.