Riot Games nega acordo com INTZ e promete investigação do caso
03
Compartilhamentos

Riot Games nega acordo com INTZ e promete investigação do caso

Último Vídeo

A Riot Games negou, no último sábado (9), que esteve envolvida em qualquer acordo com a diretoria da INTZ para a criação da equipe Red Canids, participante da temporada 2016 do Campeonato Brasileiro de League of Legends. Ela reforçou que abriu uma investigação sobre o caso e que se pronunciará oficialmente quando o processo for concluído.

“Nosso histórico com o jogador e com o público brasileiro nos permite afirmar que eles conhecem a nossa missão e compromisso no País, que é dar a melhor experiência ao jogador e contribuir para desenvolver aqui o cenário de eSports”, explicou o estúdio na postagem original do LoL eSports BR. “É nesse sentido que a empresa se movimentará sempre”, concluiu.

O posicionamento da empresa foi anunciado depois de uma conversa divulgada recentemente em que o vice-presidente da INTZ, Lucas Simon Almeida, teria “criado um plano” com a Riot Games para formar uma segunda equipe no circuito profissional.

A situação surgiu na metade de 2015, quando o estúdio atualizou as regras para o CBLoL que valeriam para 2016. No texto, a Riot Games incluiu que “cada organização não poderá ter mais de uma equipe de League of Legends a partir da próxima temporada”, mas explicou somente que “as novas equipes devem ter nome, CNPJ e sócios diferentes da antiga organização”.

A INTZ, que comandava também a INTZ.Red, anunciou a desvinculação com o segundo time, este que deu origem para a Red Canids. Apesar da mudança obedecer as regras, foi descoberto que a nova organização era do filho e da namorada do atual dono da INTZ, algo que contraria as regras internacionais do circuito profissional. Isso motivou a ameaça de boicote ao CBLoL 2016 por parte de cinco das oito equipes participantes do torneio.

A decisão da Riot Games deve ocorrer ainda nesta semana. Apesar do estúdio não divulgar oficialmente a data de início do Campeonato Brasileiro de League of Legends, o site MyCNB apurou os documentos enviados às equipes e constatou que os planos são de começar as atividades já no próximo sábado (16). Resta saber se toda essa situação atrasará um dos mais esperados campeonatos nacionais de eSport para a temporada 2016.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.