Voxel

De RPGs a bodes inteligentes, Sony anuncia 12 novos indies para o PS4

Último Vídeo

Durante a última E3, a Sony deixou bem claro o interesse de abraçar os jogos independentes com o PlayStation 4. Tanto que vários títulos já chegaram ao console — mas a empresa parece não estar satisfeita. Tanto que, em um evento realizado na noite da última quarta-feira, a empresa revelou uma longa lista de outros indies que deverão chegar ao sistema de nova geração.

A começar por Apotheon, cujo trailer pode ser visto logo acima. O game retoma os mitos gregos com uma pegada um pouco diferente daquele que estamos habituados a ver. Em vez de grandes epopeias visuais e de gráficos incríveis, o título se aproveita do visual dos vasos da época, trazendo uma estética bem peculiar e que se encaixa muito bem com o gênero plataforma.

Outro indie apresentado foi Axiom Verge, um jogo de ação e aventura em 2D que vai deixar os velhos fãs de Metroid e Contra bastante curiosos. Focado em uma exploração não linear do cenário e combates intensos e repletos de efeitos, o game chega não apenas ao PlayStation 4, mas também ao Vita no início de 2015.

Já para os apaixonados por RPG, a atração é Chasm, que mistura o gênero com elementos de plataforma e traz um mundo totalmente procedural. A aventura é centrada no jovem Daltyn em sua jornada em busca de respostas após um grupo de mineradores desaparecer e você vai descobrir o paradeiro desse povo todo no final deste ano.

E Drifter chega ao PS4 e Vita para empolgar quem sentia falta de um bom jogo de navinha. Com um vasto universo a ser desvendado em um verdadeiro mundo aberto espacial, o jogador poderá realizar o sonho de viajar por entre as estrelas e ser o tipo de piloto que desejar.

Seguindo a moda das cabras, temos o bizarro Escape Goat 2. O jogo parte da estranha proposta de que um bode é capaz de resolver diferentes tipos de puzzle e você terá de quebrar a cabeça para conseguir fazer isso se tornar realidade. Lançado originalmente para PC, o título chegará também ao PS4 em breve.

E falando em propostas diferentes, Ironclad Tactics nos leva direto para a Guerra Civil Americana e, em vez de recriar o conflito histórico como um FPS ou um título mais estratégico aos moldes de Total War, ele faz com que os combates sejam totalmente baseados em uso de cartas. Uma saída diferente e, ao mesmo tempo, interessante.

Jamestown Plus é um velho conhecido dos jogadores de PC, tendo inclusive recebido uma análise aqui no BJ já há algum tempo. De qualquer forma, o shooter vai invadir o PS4 e mostrar que o gênero ainda vive — e tão difícil como antes. E uma das novidades desta nova versão é exatamente a estreia de um inédito modo cooperativo.

Outro título que chegou aos computadores recentemente e fará sua estreia na nova geração da Sony é Nidhogg. Apesar de o visual não ser lá essas coisas, o jogo se destaca por conta de sua dificuldade e diversão. Para quem acha que o PS4 é feito apenas de grandes gráficos, eis um título que mostra que as coisas vão um pouco além.

Já Skulls of the Shogun faz sua estreia em um console da Sony depois de aparecer no Windows 8 e Xbox 360. Com direito a uma edição inédita, batizada de Bone-A-Fide edition, o game de estratégia vai ganhar novas missões e alguns recursos exclusivos.

Source, por outro lado, é o típico indie que vai encantar os jogadores por conta de seu visual. Resgatando o estilo Metroidvania de exploração, o game apela para o estilo artístico único para atrair o jogador e incentivá-lo a descobrir os segredos existentes neste mundo.

E Spelunky dispensa apresentações. O simpático título já chegou a várias outras plataformas e, em breve, ao PS4. A boa notícia é que ele será Cross-Buy, ou seja, se você já possui o título em sua versão para PS3 ou Vita, poderá baixá-lo gratuitamente no novo console sem qualquer problema.

Por fim, temos Starwhal: Just the Tip, outro jogo que vai chegar ao PS4 esbanjando excentricidade. Afinal, o que pode ser mais único do que ver narvais lutando até a morte no meio do espaço e com visuais extremamente coloridos?

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.