Saiba como foram os jogos do terceiro dia do International de Dota 2

Saiba como foram os jogos do terceiro dia do International de Dota 2

Último Vídeo

O terceiro dia de campeonato não foi bom para as regiões ocidentais. Após a eliminação do NA, coube aos europeus representar a fatia oeste do mundo. Na outra metade do globo, a situação é diferente. Após a eliminação da SEA, os chineses ainda mostram supremacia no campeonato. Além disso, Virtus.pro e LFY proporcionaram uma das melhores séries do campeonato. Saiba como foi a rodada:

OG vs. TNC

A primeira partida começou muito bem para a TNC, que chegou a abrir 2,3 mil de ouro em apenas 8 minutos. Porém, Kuku (Queen of Pain) não estava em um bom dia. O jogador foi abatido três vezes em apenas 12 minutos, o que segurou o jogo para a OG. Após a queda de desempenho, os filipinos não conseguiram mais se acertar e foram entregando cada vez mais recursos para os adversários. A experiente equipe da OG não ia deixar barato: foi crescendo cada vez mais no jogo com boas rotações e, aos 35 minutos, conseguiu uma boa luta, abateu todos os adversários e abriu 1-0 na série.

Se o primeiro jogo da TNC já tinha sido ruim, o segundo foi um verdadeiro desastre. Com um draft contestável, os filipinos escolheram Shadow Demon, Clockwerk, Luna e Outworld Devourer. A equipe mostrou um jogo desorganizado e não foi capaz de parar um dos maiores times da Europa. Com uma derrota em 39 minutos, a TNC deixou o torneio na 12ª colocação.

Digital Chaos vs. LGD

Logo na primeira partida, a DC surpreendeu os adversários ao escolher Meepo como last pick. Mesmo com um bom começo de jogo, ele não conseguiu criar um snowball suficiente para carregar a partida, principalmente pela escolha questionável de Queen of Pain para offlane. Com poucos disables e teamfights fracas, os norte-americanos foram atropelados no mid game e perderam a primeira partida em apenas 23 minutos.

Esse jogo foi uma verdadeira aula de estratégia e macro, pela LGD. Os norte-americanos começaram mal o jogo, porém conseguiram se segurar na partida após abates consecutivos em Maybe (Dead Prophet). Porém, se a partida teve um destaque, com certeza foi de Ame (Anti-Mage). Enquanto a DC procurava abates, o cs ficou farmando e usando o split push para conquistar vantagens para a equipe. Ele ficou tão forte que ninguém conseguia pará-lo. A partida terminou em apenas 32 minutos, e Ame teve o placar de 9/0.

Newbee vs. Invictus Gaming

A primeira noite foi ótima para a Newbee, que tinha um Night Stalker em sua composição. No entanto, as boas jogadas não se transformaram em gold, pois eles tiveram que sacrificar muito farm para dar certo. Após a noite, sempre chega o dia. Com boas rotações de Xxs (Legion Comander), a iG conseguiu voltar para a partida. Depois disso, o jogo desacelerou de vez, com ambos os times focando apenas em farmar com segurança e tentar alguns pickoffs. A partida só foi esquentar aos 30 minutos, quando, por causa da vantagem de visão, a Newbee conseguiu cinco abates. Após isso, os times voltaram a jogar de forma muito técnica e com poucos abates. Até que, aos 41 minutos, a Newbee fez boas lutas e venceu o jogo 7 minutos depois.

A segunda partida começou muito disputada e empatada. BoBoKa (Earth Spirit) obteve ótimos ganks, porém a Newbee conseguia responder com counter-ganks. A partir dos 14 minutos, a composição de teamfight da iG começou a fazer efeito, e eles passaram a pressionar os adversários, que, mesmo não se transformando em objetivos, estavam em um momento bom da partida e acumulavam mais dinheiro que os adversários. O jogo terminou aos 39 minutos, depois que a iG derrubou uma lane de barracas e continuou pressionando a partida.

No jogo de desempate, a iG conseguiu um forte combo com Lycan e Night Stalker, enquanto a Newbee trouxe um Tidehunter. Até os 20 minutos, o jogo estava praticamente empatado e não se sabia quem ia vencer.  Foi então que a Newbee começou a se sair muito melhor nas teamfights e aumentar as vantagens no jogo. A partir daí, a vantagem da Newbee virou uma bola de neve que não parou de crescer. Com muita paciência, a equipe foi aumentando as vantagens até fechar o jogo aos 48 minutos, com 37 mil de gold na frente.

Virtus.pro vs. LGD-Forever Young

Logo no draft, as equipes mostraram que se conheciam bem. A VP escolheu uma composição de teamfights logo no começo da partida, enquanto os chineses foram para uma composição mais gananciosa com Morphling. Mesmo com um início ruim de Inflame (Tidehunter), a LFY segurou o avanço dos inimigos logo no começo do jogo e não deu nenhuma chance para que a composição da Virtus.pro brilhasse. Conquistando diversos abates únicos, os chineses não pararam de crescer a partir do mid game e fecharam a primeira série aos 26 minutos.

Para não cair para o low bracket, a VP escolheu uma composição mais confiável, com Disruptor e Viper. Os chineses responderam com Nature’s Prophet, Pugna e Faceless Void. Mesmo com composições mais confiáveis, os dois times demonstraram o melhor do Dota 2: muitos dives, counter-ganks e bastante luta. Depois da fase de rotas, a partida começou a virar um grande caos, que é onde a Virtus.Pro sabe jogar. Depois de uma bela jogada da equipe da CIS, eles conquistaram uma grande vantagem e parecia que iriam vencer o jogo. Mas a LFY conseguiu se segurar, conquistar pickoff atrás de pickoff em cima da Viper e virar o jogo, que terminou em 52 minutos. Vale MUITO a pena assistir a essa partida.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.