Voxel

Satoru Iwata pode abandonar presidência da Nintendo se a situação não melhorar

Último Vídeo

(Fonte da imagem: Reprodução/Kotaku)
A situação da Nintendo não está nada boa e algumas cabeças podem rolar por conta disso. O início lento do Wii U já está sendo visto como algo preocupante, tanto que a companhia cortou sua previsão de lucros devido às vendas abaixo do esperado. E esse panorama não muito agradável pode custar o cargo do senhor Satoru Iwata.

Em uma reunião com os acionistas para apresentar os relatórios fiscais do último trimestre, o presidente da companhia se desculpou pelo péssimo desempenho da “Big N” e cogitou a possibilidade de se afastar da cadeira de CEO caso ele não consiga reverter a situação. De acordo com o site japonês ITMedia, ele se comprometeu em atingir 100 bilhões de ienes — cerca de R$ 2,1 bilhões na cotação atual — no próximo ano fiscal ou, caso contrário, irá dizer adeus à liderança da fabricante.

E o desespero de Iwata tem fundamento. Mais do que simplesmente ver o principal lançamento da companhia não indo tão bem quanto o esperado, trata-se do segundo fracasso financeiro da Nintendo em dois anos. No ano fiscal anterior, o 3DS ainda sofria com a falta de títulos realmente relevantes e o portátil começava a dar seus primeiros passos mais ousados, mas não o suficiente para agradar aos cofres da empresa.

E o pedido de confiança do presidente tem base exatamente nesse dejà vu. Segundo a página nipônica, ele pediu a paciência dos acionistas ao afirmar que o lançamento de jogos de peso para o 3DS podem ajudar a Big N a alcançar a liderança de mercado e reverter a situação.

Fonte: ITMedia, NeoGAF

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.