Scalebound de volta? Platinum Games depende apenas da Microsoft

Scalebound de volta? Platinum Games depende apenas da Microsoft

Último Vídeo

Reerguida após os sucessos de Astral Chain e Nier Automata, além dos ports para a atual geração de Vanquish e Bayonetta, a Platinum Games vem recuperando consistentemente sua confiança após o cancelamento de Scalebound em 2017, título AAA que estava em desenvolvimento exclusivo para Xbox One e PC. E em meio a novidades, a companhia inicia 2020 como uma das potências no universo dos games, já com um financiamento coletivo de The Wonderful 101: Remastered, que obteve mais de US$ 1 milhão em menos de 24 horas e o anúncio de mais 3 títulos misteriosos que estão por vir.

Agora, com uma nova dinâmica e estratégia de mercado, a empresa não esconde sua vontade em concluir Scalebound, game que havia gerado uma hype imensa para os jogadores de Xbox e uma tristeza talvez maior ainda com a confirmação de seu cancelamento. Em entrevista para a Euro GamerAtsushi Inaba, designer da Platinum, comentou um pouco sobre as projeções da empresa e seu potencial adquirido em poder lançar seus games autorais.

"É uma boa pergunta! Mas essa propriedade intelectual pertence 100% à Microsoft", respondeu Inaba, quando questionado sobre a possibilidade de retorno a Scalebound. "Aconteça o que acontecer com este projeto, não podemos fazer nada com ele, a não ser que a Microsoft permita. Mas é um jogo que adoramos e, se surgir a oportunidade, é algo ao qual adoraríamos voltar."

Recentemente, a Platinum Games lançou um misterioso teaser chamado de 'Platinum 4', prometendo trazer quatro novidades, em breve, para a comunidade gamer. A primeira foi o já confirmado remaster de The Wonderful 101, mas e quanto às outras? Veremos Scalebound na nova geração?

Veja abaixo o trailer.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.
Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários