SEGA pede desculpas aos fãs antigos: 'traímos a confiança'
03
Compartilhamentos

SEGA pede desculpas aos fãs antigos: 'traímos a confiança'

Último Vídeo

A SEGA brilhou em um passado não muito distante com marcas e hardwares próprios, mas hoje amarga a posição de somente mais uma desenvolvedora que lança títulos razoáveis para várias plataformas. Porém, a empresa parece reconhecer os erros, querer sair dessa fase e voltar a ter destaque na indústria. Ao menos é isso que garante o CEO Hajime Satomi, que conversou com a revista Famitsu.

Na entrevista, ele falou sobre futuros lançamentos  e projeções, mas o que se destacou mesmo foi uma espécie de desabafo do executivo. "Fizemos nosso melhor para construir uma relação de confiança mútua com fãs antigos da SEGA, mas, olhando para trás, alguns dos títulos podem ter parcialmente traído isso na última década", afirma.

O pedido de desculpas é seguido de uma promessa. "A SEGA nos anos 90 era conhecida por sua marca. Depois, perdemos confiança e fomos deixados com nada além de reputação. Por isso, queremos ganhar de volta a confiança dos consumidores e nos tornar uma marca mais uma vez", diz Satomi.

O retorno

"Tenho falado com os funcionários sobre como devemos considerar seriamente a qualidade a partir de agora. Especialmente na Europa e nos EUA, onde sempre houve um foco maior em agenda. Acredito que, se não conseguirmos manter qualidade, é melhor nem lançar nada", alega o CEO, fazendo uma autocrítica da empresa nos últimos anos.

Como o direcionamento agora está na qualidade dos lançamentos, Satomi não promete uma enxurrada de novidades em curto prazo, mas afirma que algo novo para consoles será exibido na Tokyo Game Show, que acontece em setembro.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.