Voxel

Sem Alan Wake 2 por enquanto. Mas já existem ideias...

Último Vídeo

Img_originalNão, ainda não existe nada realmente confirmado. Mas tudo indica que Alan Wake pode se tornar uma franquia em breve — com a esperança de que não exista um espaço de cinco anos entre um título e outro.

De qualquer forma, o título deve se manter como uma exclusividade da Microsoft Game Studio.  “Com o Microsoft Game Studio, ou o jogo é exclusivo para Xbox, ou é para Xbox e PC”, afirmou o diretor de desenvolvimento da Remedy, Oskari Häkkinen, ao site Eurogamer.net.

Em outra palavras, embora a propriedade intelectual ainda pertença à Remedy, o negócio é dançar conforme a música da produtora. “A Microsoft colocou muita força por trás do título para que ele se tornasse uma exclusividade do Xbox 360. Eles acreditam que seja um título importante para o portfólio. Ele se encaixa bem no portfólio ao lado de jogos como Gears of War, Halo e Forza [Motorsport]”.

Entretanto, Häkkinen acrescenta logo em seguida: “Por favor, não assumam que Alan Wake será lançado também para PC, porque isso pode não ser verdade — embora exista a possibilidade”.

Na verdade, o desenvolvedor finlandês afirma que até o momento nada foi acertado com a Microsoft em relação a uma possível sequência. Até porque, o primeiro jogo ainda se encontra em fase de “lançamento”, como afirma o desenvolvedor. “Nós estamos na fase de lançamento no momento, e ainda não tivemos a chance de ir até Redmond, ao Microsoft Game Studio, para discutir como nós continuaremos”.

Entretanto, “eu não vejo razão para que nós não continuemos com a Microsoft para uma sequência completa de Alan Wake. Trata-se de algo que nós realmente queremos fazer. Nós temos grandes ideias para isso”.

Para Häkkinen, a boa vontade é recíproca, embora nada possa ser confirmado no momento. “Nós estamos trabalhando duro nos DLCs no momento”, afirma desenvolvedor, referindo-se ao já lançado The Signal e ao vindouro The Writer — que deve ser lançado durante a próxima primavera.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.