Voxel
43
Compartilhamentos

Semana TCG: o que estamos jogando (21/10/2013)

Último Vídeo

Img_normal

Nova segunda-feira no mundo dos games e chega a hora de apresentarmos o quadro "O que estamos jogando". Talvez você pense que seja impossível que os títulos prestigiados por nós mudem a cada semana, mas acredite: a equipe BJ é muito grande e nós simplesmente adoramos jogos eletrônicos.

Sem mais delongas, confira o que estamos jogando. Lembramos que aqui constam apenas os games que MAIS estamos jogando, embora possamos estar experimentando outros títulos simultaneamente. Além disso, aparecem neste quadro somente alguns dos integrantes da equipe BJ:

Acabo de terminar Pokémon X pela primeira vez. Infelizmente, é triste saber que boa parte de minha aventura simplesmente será jogada no lixo: a versão que “fechei” é, na verdade, aquela utilizada por mim na análise do game para o BJ, que foi cedida a mim pela empresa. Meu Pokémon Y está na caixa ainda, esperando a hora que eu o comece.

Mas por que eu teria gastado mais de 30 horas de jogo se sabia que “perderia” meu avanço? O fato que eu quero poder passar o time de monstrinhos que usei na versão de testes para meu Y. Só que mais da metade deles possuem HMs (pokémons com HMs não podem ser trocados), que podem ser apagados apenas na penúltima cidade do game.

Está bem. Eu sei que não é preciso chegar até o fim da aventura para apagar os HMs. Mas, já que estava tão perto do fim, por que não aproveitar e pegar os pokémons e itens exclusivos do X, como o Manecite, o Mewtwo com a Mewtwocite X, um Articuno e, principalmente, o lendário Xerneas? Enfim, sabe como é: uma coisa leva a outra... Quando me vi, estava na batalha final contra a campeã de Kalos. Agora é só correr para coletar o que falta e... Começar tudo de novo...

Para quem quiser me encontrar, meu Friend Code é 4296-3046-4269.

Continuo com minha jornada por Kalos, explorando cada canto desse mundo incrível que a Nintendo me apresentou. Por isso, decidi deixar de lado a ânsia de terminar a aventura de uma vez e estou indo em um ritmo mais lento e treinando todos os Pokémon que me chamam a atenção — e que não foram poucos!

Desta vez, destaco as funcionalidades online da nova geração do game. Está muito mais prático se comunicar com outros jogadores, sejam eles amigos ou completos desconhecidos. O GTS é uma ótima forma de obter aqueles monstrinhos mais raros e é incrivelmente viciante brincar no Wonder Trade, já que você nunca sabe o que vai receber.

E como todos os meus amigos estão com o jogo em mãos, a diversão fica ainda maior. Trocas, batalhas ou o simples fato de chegar no escritório e ficar discutindo sobre nosso progresso é algo que não em empolga assim desde 2001, com Pokémon Crystal. Estou com 90h de jogo e sinto que ainda não conheço nem a metade desse novo universo.

E para quem quiser jogar junto, é só adicionar o Friend Code: 1504-6047-1767.

Confesso que, embora nunca tenha abandonado a série Pokémon, estava cansado dela. Jogos como Pearl, Black e Black 2 estavam soando mais como um trabalho do que como uma aventura, repetindo a mesma fórmula de sempre e apresentando criaturas pouco interessantes.

No entanto, Pokémon Y de alguma maneira fugiu a essa regra e me fez voltar a ter 12 anos, época em que passava horas jogando a versão Yellow. O novo estilo de arte deu uma nova vida ao jogo que agora conta com mecânicas simplificadas que tornam o jogo mais divertido e entusiasmante. Sem dúvida, um título obrigatório para quem tem um Nintendo 3DS.

Meu Friend Code é 0705-2408-0202.

Eu sou um daqueles que compra todos os Humble Bundles, mas dificilmente joga todos os jogos. Nesse final de semana eu sentei no sofá e resolvi experimentar alguns desses games. Um deles foi Hotline Miami. Confesso que minhas expectativas eram baixíssimas. Porém, isso foi até bom, porque descobri um jogo que vai além da simplicidade e diverte muito. O jogo é frenético e conta com trilhas sonoras bem empolgantes.

Sim, como todo mundo que já fechou GTA V e tem um 3DS está fazendo, eu também tenho gastado minhas preciosas horas no mundo de Pokémon Y. Minha equipe com Blastoise, Arcanine e um Lucario tem conseguido segurar bem a onda dos diversos monstros que surgem no meu caminho. E nada de treinamento especial, cheio de firulas. Divertido mesmo é treinar os monstros do jeito clássico: colocando-os para lutar.

Meu Friend Code é: 3239-3206-4464.

Como um fã da série Warcraft, fiquei esperando ansiosamente por uma chave para jogar o trading card game de Azeroth – mesmo com poucas esperanças, afinal não tenho sorte com esses chamados para testes.

Recebi, com um pouco de surpresa, o convite na semana passada para participar do closed beta, e agora o jogo está simplesmente devorando meu tempo livre. Além de fácil de aprender, as possibilidades de decks e partidas são enormes. Por cima de tudo, as referências sonoras e visuais de jogos como Warcraft II e Warcraft III são de dar nostalgia a qualquer jogador da clássica série da Blizzard.

Os leitores do BJ que fiquem atentos, quando menos esperarem Hearthstone já estará detalhado no site. Aguardem!

Finalmente peguei meu 3DS! O acervo de exclusivos já é suficiente para justificar a compra do portátil. E foi o que fiz. Minha biblioteca inicial consiste em Mario Kart 7, Super Mario 3D Land, Donkey Kong Country Returns 3D e o excepcional Luigi's Mansion: Dark Moon, sequência de um dos meus games favoritos do GameCube.

O jogo, como não poderia deixar de ser, é divertidíssimo. Estou impressionado com as mecânicas clássicas do gênero e o tempero especial que só a Nintendo consegue dar ao mercado: magia. Claro que o fato de "Os Caça-Fantasmas" ser um dos meus filmes prediletos ajuda, mas a atmosfera de Luigi's Mansion: Dark Moon responde por si só e diverte pela simplicidade. Ainda vou desbravar Pokémon X/Y e o jogo que mais aguardo na plataforma portátil da Nintendo: The Legend of Zelda: A Link Between Worlds.

Depois de terminar Beyond: Two Souls, resolvi aproveitar a promoção da PSN para dar uma chance a um jogo que eu estava querendo experimentar a tempos: Remember Me. Confesso que estava meio receoso em investir a grana no game, ainda mais depois que ele levou notas razoáveis na análise do BJ, mas acabei me surpreendendo.

Ainda estou no começo do jogo, mas estou surpreso com o que vi até agora. O universo proposto em Remember Me é plausível e muito curioso. Não sei como a história vai acabar e se vou ficar satisfeito, porém estou gostando muito dos combos diferentes, do estilo de combate e de quase tudo que eu vi até agora. Não é um jogo excelente, mas é divertido.

Eu estava longe de Pokémon há muito tempo, tendo jogado pela última vez a versão Silver, ainda no Gameboy Color. Desse modo, para mim há ainda mais novidades além daquelas que todos estão sentindo no jogo. Além da surpresa com o número de criaturas desconhecidas, o novo visual em 3D faz com que cada encontro como um novo Pokémon seja bastante interessante. Ao mesmo tempo, a animação dos golpes traz ainda mais emoção para as batalhas.

Por fim, as minhas lembranças dos jogos da série como lentos também ficaram no passado. A história é bastante dinâmica e agora é ainda mais prático evoluir o seu time, acabando com a necessidade de enfrentar dezenas de Pidgeys selvagens antes de estar pronto para avançar para o próximo ginásio. Assim, se você tinha algum interesse pela série, mas acabou se afastando, esse é um ótimo momento para retornar.

Meu Friend Code é: 0748-2399-0634.

Nos últimos dias tem me faltado tempo para jogar, e estou preferindo games simples para celulares. O que tenho jogado muito ultimamente é o game Where´s My Water: um puzzle feito especialmente para telas de toque.

O objetivo do jogo é levar a água até o crocodilo que precisa desesperadamente tomar banho. Para ajudar o pobre réptil é preciso “desenhar” o caminho da água, removendo a terra com os dedos. Existem diversos obstáculos pelo cenário, e o seu objetivo é levar a água até ele sem que ela fique contaminada. O jogo é extremamente divertido e viciante: recomendado para quem quer se divertir sem esquentar muito a cabeça.

E você, o que está jogando neste momento?

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.