Sony aposta forte com Plus de 3 anos; previsão é “sucesso do PS2 e Wii”

Sony aposta forte com Plus de 3 anos; previsão é “sucesso do PS2 e Wii”

Último Vídeo

A marca PlayStation iniciou sua construção há pouco mais que duas décadas, quando um tímido console nasceu das cinzas de uma parceria falha entre Sony e Nintendo. Lapidado no mercado, o nome hoje é sinônimo de entretenimento e tem uma base imensa de jogadores. Com base nessa premissa e na confiança que a empresa sempre teve em si própria, a Sony anunciou um plano de assinatura de três anos da Plus, sua extensão “premium” da PSN nascida no PS3, e pode alcançar “o mesmo nível de sucesso do PS2 e do Wii”.

A ideia da companhia é colocar os lucros de volta nos eixos, uma vez que os prejuízos se arrastam pela conta bancária da empresa há muito tempo. A recente desistência da Sony em continuar investindo no ramo de smartphones e TVs é apenas um reflexo disso, e agora a gigante aposta na marca PlayStation mais do que nunca, reporta a agência de notícias Reuters.

Em um encontro corporativo realizado na última quarta-feira, 18, a empresa anunciou planos que dão mais autonomia às suas divisões. O objetivo é alcançar 500 bilhões de ienes em lucros até o fechamento do ano fiscal de 2017. Para isso, a companhia vai dividir seus negócios em três categorias: “direção de crescimento”, “geração estável de lucros” e “área focando em gerenciamento de volatilidade”.

Novas filosofias de trabalho

Essas três “filosofias” de trabalho serão distribuídas em setores estratégicos da companhia. A “direção de crescimento”, por exemplo, será canalizada nos serviços de rede da Sony, a exemplo da PSN. A empresa quer expandir sua base de usuários e, naturalmente, a PSN é parte do plano.

Já o setor de TV e Mobile será categorizado na filosofia “gerenciamento de volatilidade” e, conforme mencionado, não receberá mais investimento máximo da Sony. “Vamos colocar prioridade máxima em diminuir riscos e assegurar lucros na operação desses negócios. Uma vez que os dois mercados estão atravessando intensa competição, a Sony vai batalhar para aumentar o valor de seus produtos ao equilibrar suas tecnologias proprietárias e os componentes. Faremos isso ao selecionar cuidadosamente os territórios e as áreas visadas e vamos limitar o investimento capital para estabelecer uma estrutura de negócios capaz de assegurar lucros estáveis”, declarou a companhia.

PS4: quase 19 milhões de consoles vendidos no mundo e planos ambiciosos

A Sony anunciou que quase 19 milhões de unidades do PlayStation 4 foram vendidas em escala mundial. De acordo com a empresa, a assinatura da Plus também foi ampliada desde que o console chegou ao mercado, em novembro de 2013: 11 milhões de usuários ativos estão na rede atualmente.

Até 2019, a previsão é que o PS4 tenha uma base global de 80 milhões, comparados a “quase 60 milhões” do Xbox One. Quem previu esses números foi a agência de pesquisa Strategy Analytics ao GamesIndustry, que tipicamente mensura e estima números da indústria conforme a curva de crescimento e de acontecimentos.

PS4: caminho para “reproduzir o sucesso do PS2 e do Nintendo Wii”

O veículo reporta que, segundo a firma, o PS4 “está no caminho para reproduzir o sucesso do PlayStation 2 e do Nintendo Wii”.

Já o Wii U enxergou um “modesto alívio” graças aos seus produtos first-party. De acordo com a agência de pesquisa, o mercado do atual console doméstico da Nintendo “não está morto”.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.