Steam decreta a morte da Steam Machine e começa a remover referências
357
Compartilhamentos

Steam decreta a morte da Steam Machine e começa a remover referências

Último Vídeo

Ao que tudo indica, a Steam Machine teve sua morte decretada: salvo por duas unidades específicas, a Steam removeu da loja toda e qualquer menção à plataforma. A página específica sumiu, sendo acessada somente de forma direta, e não é mais possível escolher as configurações ou até mesmo verificar os preços das máquinas.

A Steam não se pronunciou a respeito das remoções, mas o site GamingOnLinux afirmou que o movimento de "retirada" das Steam Machines começou em algum momento em março.

Para quem não lembra (ou não fazia ideia) do que eram as Steam Machines, a plataforma foi uma iniciativa da empresa para criar um ecossistema de games e entretenimento com um sistema operacional próprio baseado em Linux, o SteamOS, que não dependesse do Windows.

Steam Machine Alienware

Muitos apontam que o fato de o "console" nunca ter decolado foi culpa da própria Steam, que nunca se interessou muito em promover a plataform que, de início, foi anunciada como uma concorrente para o Xbox One e o PS4.

A negligência, aliada aos preços estratosféricos cobrados (algumas versões passavam dos US$ 600) e também aos jogos de PC que não rodavam na máquina por conta do seu SO, mas que podiam ser jogados no Windows, vitimaram o produto que foi lançado em 2013.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.