Voxel

Suda51 comenta sobre mecânicas de jogo de Killer Is Dead

Último Vídeo


O CEO da Grasshopper Manufacture, Goichi Suda, apresentou uma demonstração de seu novo jogo, Killer Is Dead, ao site Siliconera para explicar alguns dos conceitos que estão por trás do game, protagonizado pelo assassino de aluguel Mondo Zappa.

O matador utiliza uma espada chamada gekkou (luz do luar, na tradução literal do japonês) – uma arma capaz de absorver o sangue de seus oponentes. Quando o jogador absorver a quantidade certa, a espada começa a brilhar e os ataques de Zappa ficam mais fortes e mais rápidos, podem ser sequenciados em poderosos combos.

Ao mesmo tempo, o assassino também terá um braço mecânico intercambiável. Com ele, é possível utilizar uma pistola que, com uma boa mira, pode eliminar os inimigos com um tiro certeiro em suas cabeças.

Um gigolô assassino

Nem tudo é sangue e violência em Killer Is Dead. Em algumas missões, chamadas apropriadamente de “Gigolo Missions”, Mondo terá de seduzir mulher, como a brasileira Natalia (apelidada de “Pheromone”).

Nessa missão, Mondo precisa começar a noite encontrando-a no hotel em que ela está hospedada e chamá-la para tomar uma bebida. Durante essa conversa inicial, Mondo pode falhar na tentativa de impressionar a garota e até mesmo acabar levando um tapa. Por outro lado,  caso seja bem sucedido, é possível achar uma oportunidade para oferecer um presente à garota e conquistar a sua confiança.

Para ajudá-lo, Mondo tem óculos especiais chamados de “Gigolo Glasses”, capazes de analisar os pensamentos de uma mulher. Há dois pares de óculos, um básico com uma armação rosa e outro que se assemelha a óculos escuros.

Os jogadores poderão se aventurar no mundo dos contratos de aluguel na metade do ano, quando Killer Is Dead está previsto para ser lançado no PlayStation 3 e Xbox 360.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.