Voxel

SWTOR: Flashpoints e escolhas morais

Último Vídeo

Img_normal

A BioWare apareceu com novidades sobre  os chamados Flashpoints — missões coletivas acompanhadas de um pomposo naco de história — de Star Wars: The Old Republic durante a última edição da feira New York Comic Com. Basicamente, 15 deles serão disponibilizados juntamente com o lançamento do game, cada um desenvolvido para um nível específico de jogador — sendo que várias missões são reservadas para players de nível 50.

Os Flashpoints também poderão ser encarados várias vezes, a fim de obter mais recompensas e pontos de experiência — juntamente com um hard mode, que é liberado depois que o desafio é vencido pela primeira vez. De acordo com o diretor do MMO, James Ohlen, a BioWare não implementará um sistema autômato para agrupamentos nessas missões que seria similar ao sistema de WoW), já que o time encara esse tipo de inclusão como exterior ao mundo de jogo.

A BioWare também introduziu o terceiro e último Warzone — a área player versus player do game —, o qual também estará disponível para o lançamento. Trata-se de Void Star, no qual você deverá implantar explosivos em um navio... Ou evitar que se instalem explosivos na embarcação.

Img_normal

Ademais, a softhouse destacou também que, apesar da grande variedade encontrada na história de SWTOR, não haverá “sequer uma missão duplicada durante a experiência de jogo”. Em exemplo, foi explicado como nenhum Jedi Knight ou Bounty Hunter jamais vão encarar duas vezes a mesma missão.

Star Wars: The Old Republic — um jogo sobre escolhas e consequências

Qual é exatamente o diferencial de SWTOR diante da considerável profusão de MMOs disponível atualmente? Bem, para o cofundador da BioWare Ray Muzyka, trata-se do impacto que as suas escolhas têm no mundo de jogo. “As pessoas acham difícil voltar para outros MMOs após jogarem The Old Republic, porque há um senso real de propósito em tudo”, afirmou Muzyka ao site TheGamingLiberty.

Ele continua: “nós temos escolhas reais no jogo. Mas como há sempre uma escolha pessoal, há também sempre consequências pessoais — não há volta, entende? Você não pode simplesmente carregar um jogo salvo anteriormente para ver ‘o que seria’. Isso é realmente estimulante do ponto de vista moral, porque é pessoalmente impactante”. Muzyka afirma ainda que a equipe consegiu encontrar uma forma de integrar exploração, combates e história. “As pessoas não conseguem imaginar como é possível ter tudo isso em um MMO.”

Star Wars: The Old Republic tem lançamento previsto par ao dia 20 de dezembro. Fique ligado no TecMundo Games para mais novidades.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.