The Elder Scrolls Blades encontra a casa perfeita no Nintendo Switch

The Elder Scrolls Blades encontra a casa perfeita no Nintendo Switch

Último Vídeo

Já disponível para Android e iOS, The Elder Scrolls Blades é um game que, desde que foi anunciado, parecia perfeito para o Nintendo Switch. Não somente o console já provou que consegue lidar bem com games tão grandes quanto The Elder Scrolls V: Skyrim, como sua portabilidade torna a adaptação de experiências feitas para serem portáteis algo que parece natural.

Na QuakeCon 2019, a Bethesda trouxe aos visitantes a mesma build do jogo que apresentou na E3, a qual tivemos a chance de testar durante alguns minutos. Oferecendo uma missão relativamente simples, ela mostrou que o jogo está sendo bem adaptado e funciona mesmo sem tela de toque – mas ainda precisa de alguns ajustes de desempenho.

Um Elder Scrolls mais estratégico

À primeira vista, The Elder Scrolls Blades parece um jogo tradicional da franquia, algo que foi intencional por parte da Bethesda. A diferença surge ao perceber que os ambientes são ligeiramente mais lineares e que o sistema de combate traz alguns elementos que misturam ação por turnos com movimentos em tempo real.

The Elder Scrolls Blades

Ao encontrar um inimigo, a tela é focada nele e o jogador tem a opção de usar uma série de ataques. Enquanto os gatilhos são responsáveis por ativar os ataques básicos, a parte esquerda dos botões usa magias, enquanto a direita é dedicada para habilidades mais físicas, em um sistema que é fácil de se acostumar.

Para vencer, no entanto, não basta sair apertando os botões loucamente: um ataque normal, por exemplo, vai errar facilmente se o inimigo não estiver em seu alcance. É nesse momento em que as características de tempo real de The Elder Scrolls entram em jogo – Blades é, em essência, um game da série principal cuja diferença é oferecer ao jogador um pouco mais de tempo para pensar e um foco maior em confrontos 1v1.

Lançamento em breve

Assim que você entende a proposta do game, ele funciona muito bem e parece ter sido feito pensando no Switch. A única coisa que entrega que esse é um port que ainda não está finalizado é o fato de que, ao menos na versão de testes disponível, o game dava algumas “engasgadas” durante certos momentos, tirando a sensação de imersão.

The Elder Scrolls Blades

Isso é algo que a Bethesda certamente pode corrigir até a versão final chegar às lojas, algo que deve acontecer em questão de poucos meses. Caso isso aconteça, The Elder Scrolls Blades pode encontrar toda uma nova audiência na plataforma da Nintendo, que não necessariamente tem um smartphone moderno ou o desejo de jogar usando telas de toque.

Quem já está jogando não precisa se preocupar: no console, o jogo continuará a ser totalmente free to play. Além disso, é possível associar sua conta da Bethesda para continuar seu progresso, garantindo que sua dedicação ao RPG não será jogada fora caso você decida trocar de plataforma.

O Voxel viajou à QuakeCon 2019 a convite da Bethesda

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.
Voltar para notícia
Carregando...
Comentários
Carregando...
Este comentário foi apagado. Desfazer
+1
-1
Este comentário foi apagado. Desfazer
Responder Excluir Editar
+1
-1
Ver mais comentários Ver mais comentários