Voxel
324
Compartilhamentos

“The Elder Scrolls Online não é para todo mundo”, diz Bethesda

Último Vídeo

Já sabemos que o vindouro The Elder Scrolls Online deve ir contra a gigantesca onda dos MMOs gratuitos para jogar e que o título deve exigir uma assinatura mensal por parte dos gamers. Agora, o diretor de marketing da Bethesda (empresa responsável pela publicação da produção), Pete Hines, afirmou que o game realmente “não é para qualquer um”.

Em entrevista ao site da Official Xbox Magazine, Hines disse que a ZeniMax (que é a desenvolvedora por trás do novo jogo) está fazendo uma aventura para os consoles e computadores que já conta com enorme potencial de tentação ao considerar apenas a proposta do trabalho. Além disso, a desenvolvedora está focando os trabalhos para produzir um grande game para aquelas pessoas que não precisam de maiores argumentos para serem convencidas a se juntar a essa experiência.

“Nós passamos muito tempo descobrindo quem são as pessoas que jogam os nossos games e onde é que elas preferem jogar”, diz Hines. “Por exemplo, nós não consideramos todo mundo que jogou Skyrim como sendo um jogador assíduo de RPG, pois há muitas pessoas que jogaram Skyrim e esse foi o único Role Playing Game que jogaram na vida. Portanto, o que eles esperam é diferente do que os gamers especializados em RPG”, continua o diretor de marketing.

Tradição e modernidade

Em termos de estrutura de jogabilidade e de progressão dos personagens, The Elder Scrolls Online será um título muito tradicional. Ao todo, serão três facções diferentes, nas quais você poderá jogar com guerreiros de nove raças distintas, sendo que cada um deles conta com origem diferenciada e com quests próprias.

“Eu acho que haverá pessoas que vão comprar o game, jogar por um mês inteiro e depois elas vão sentir que já jogaram o suficiente”, revela Hines, que continua: “E isso está ótimo, pois não há nada de errado nisso, desde que você acredite que o valor que foi pago valeu a pena”. Por outro lado, quem gostar da produção a ponto de entrar em uma assinatura mensal precisará desembolsar alguns dólares a mais

“ E por mim está ótimo também. Fico feliz que você tenha gostado”, afirma o diretor de marketing da Bethesda. Para terminar, Hines não descarta a possibilidade da inserção no game de uma categoria free trial — na qual as pessoas podem experimentar gratuitamente o início da peleja.

Enfim, The Elder Scrolls Online tem previsão de lançamento para o PC no próximo dia 4 de abril de 2014. Enquanto isso, as versões de Xbox One e PlayStation 4 só devem chegar às lojas por volta de junho. Estamos ansiosos para colocar as mãos nessa incrível experiência!

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.