The International 5: confira a cobertura completa do mundial de DotA 2

The International 5: confira a cobertura completa do mundial de DotA 2

Último Vídeo

Os fãs de MOBA que se preparem, pois o campeonato mundial de DotA 2 está para começar diretamente de Seattle, nos Estados Unidos. Os 16 melhores times do mundo já se preparam para disputar a premiação mais ambiciosa do eSport no The International 5, o campeonato oficial da Valve que superou a casa dos US$ 17 milhões com a ajuda de todos os fãs do jogo.

Como não poderíamos ficar de fora desse grandioso evento que se estenderá até o dia 8 de agosto, organizamos todas as informações que você precisa saber sobre ele aqui no TecMundo Games. Dê uma checada no cronograma do evento, nos times classificados, nos canais de transmissão e nos outros detalhes para você ficar ligado nesse torneio que promete grandes emoções aos entusiastas do eSport mundial.

Afinal, não queremos tomar nenhuma “gank” indesejável e acabar perdendo esse campeonato inesquecível!

Cronograma

O The International 5 será dividido em duas fases principais. A primeira colocará todos os times classificados em dois grupos, e o resultado dessa etapa inicial determinará a colocação no evento principal, que será definido pelo famoso "mata-mata".

As informações sobre essas etapas você confere logo abaixo.

Fase de grupos (27 de julho a 30 de julho): dois grandes grupos com oito times. Cada equipe enfrentará os outros da sua tabela duas vezes, conquistando pontos para a classificação na fase seguinte. Os quatro primeiros do grupo seguem para a tabela normal, enquanto os quatro últimos vão direto para a repescagem.

O cronograma com todas as partidas agendadas para essa fase de grupos você confere na galeria abaixo. Vale lembrar que você pode clicar no botão superior direito para visualizar a imagem em tamanho maior.

Fase eliminatória (3 de agosto a 8 de agosto): oito times na Winner Bracket, oito na Lower Bracket. As partidas serão em melhor de três, com exceção da final (melhor de cinco) e da primeira rodada da repescagem (melhor de um).

Transmissão

Alguns canais transmitirão as partidas em vários idiomas pelo TwitchTV. Além dos sites oficiais, teremos alguns brasileiros que vão para Seattle cobrir as partidas ao vivo do The International 5. Confira os canais logo abaixo.

Canais do TwitchTV para a transmissão em inglês das partidas.

Canal da NoMadTV para a transmissão das partidas em português.

A organização também preparou vários livestreams para você acompanhar ao vivo a cabine dos jogadores e até mesmo a plateia do evento. Se quiser conferir todos eles ao mesmo tempo, acesse esse MultiTwitchTV que preparamos especialmente para essa experiência única.

Premiação

A premiação do The International 5 bateu o recorde do ano passado e alcançou US$ 18.010.342,00 — um valor que continua crescendo nos próximos dias com a ajuda da comunidade. Atualmente, esta é a maior premiação já dada em um torneio de eSport.

Toda essa grana será distribuída da seguinte forma:

  • Campeão: US$ 6,483 milhões
  • Vice-campeão: US$ 2,791 milhões
  • 3º lugar: US$ 2,161 milhões
  • 4º lugar: US$ 1,530 milhão
  • 5º e 6º lugares: US$ 1,170 milhão
  • 7º e 8º lugares: US$ 810 mil
  • 9º a 12º lugar: US$ 216 mil
  • 13º a 16º lugar: US$ 54 mil

Times classificados

São 16 times, um só objetivo. A classificação para essa edição do The International foi parecida com a que ocorreu nos eventos anteriores, convidando uma série de times conhecidos e abrindo vagas para seletivas específicas em várias regiões do mundo.

Ou seja, o embate entre os cenários ocidental e oriental continua firme e forte. Você pode conferir logo abaixo os times classificados até agora. Lembrando que, nesse domingo (26), mais quatro equipes selecionadas pelo Wild Card disputaram as duas últimas vagas do evento.

Vici Gaming, o time vice-campeão de 2014, está com a vaga garantida para a edição desse ano. Poucos conseguiram parar a equipe na fase classificatória do ano passado, mas vamos ver se as mudanças no jogo ainda os manterão afiados para o título desse ano.

País da organização: China

Integrantes:

  • Chen "Hao" Zhihao
  • Xie "Super" Junhao
  • Daryl "iceiceice" Koh Pei Xiang
  • Lu "Fenrir" Chao
  • Xu "fy" Linsen

Evil Geniuses, a tradicional organização norte-americana, está presente em mais uma edição do The International. Com mudanças leves desde o ano passado, e na companhia do veterano de longa data Clinton "Fear" Loomis, o time está com muitas condições de fazer a frente aos cenários europeu e asiático.

País da organização: Estados Unidos

Integrantes:

  • Clinton "Fear" Loomis
  • Syed "SumaiL" Sumail Hassan
  • Saahil "UNiVeRsE" Arora
  • Kurtis "Aui_2000" Ling
  • Peter "ppd" Dager

Team Secret: vinda de uma mistura de ex-integrantes da Na’Vi, Alliance e Evil Geniuses, a Secret respeita o nome e mantém segredo sobre a campanha para esse campeonato. O veterano Clement "Puppey" Ivanov acompanha essa definição com as composições mais ousadas e brilhantes que os doteiros podem imaginar.

País da organização: União Europeia

Integrantes:

  • Artour "Arteezy" Babaev
  • Gustav "s4" Magnusson
  • Ludwig "zai" Wåhlberg
  • Kuro "KuroKy" Salehi Takhasomi
  • Clement "Puppey" Ivanov

Invictus Gaming: dona de uma das equipes com os ciberatletas mais famosos do DotA asiático, a iG já teve momentos de glória no passado. Campeã da segunda edição do The International, a equipe luta para se manter na elite do MOBA mundial acompanhada da simpatia exuberante e da história de superação do veterano Wong "ChuaN" Hock Chuan.

País da organização: China

Integrantes:

  • Xu "BurNIng" Zhilei
  • Luo "Ferrari_430" Feichi
  • Luo "Luo" Yinqi
  • Wong "ChuaN" Hock Chuan
  • Zeng "Faith" Hongda

LGD Gaming: mais chineses em ação, dessa vez com a liderança do namorador Zhang "xiao8" Ning. Depois da saída do lendário carry Gong "ZSMJ" Jian, o time ainda está tentando achar seu destaque internacional — mas, se depender das conquistas do time na China, a composição está pronta para levar esse The International.

País da organização: China

Integrantes:

  • Liu "Sylar" Jiajun
  • Lu "Maybe" Yao
  • Yao "Yao" Zhengzheng
  • Zhang "xiao8" Ning
  • Lei "MMY!" Zengrong

Cloud 9: tendo origem e força no League of Legends, a organização norte-americana apostou em um time de DotA 2 bem misturado. Com nomes espalhados pelo cenário europeu, a equipe pode surpreender nessa edição do The International.

País da organização: Estados Unidos

Integrantes:

  • Jacky "EternaLEnVy" Mao
  • Adrian "FATA-" Trinks
  • Pittner "bOne7" Armand
  • Johan "BigDaddy" Sundstein
  • Rasmus "MiSeRy" Filipsen

Team Empire: localizados entre os cenários chinês e europeu, os russos e ucranianos também representam uma grande força no DotA mundial. A Empire reuniu as maiores lendas da região no passado, mas hoje aposta em grandes talentos. Qual será o resultado?

País da organização: Rússia

Integrantes

  • Airat "Silent" Gaziev
  • Roman "Resolut1on" Fominok
  • Maxim "yoky" Kim
  • Andrey "ALWAYSWANNAFLY" Bondarenko
  • Ilya "ALOHADANCE" Korobkin

Virtus.Pro: ainda na Rússia, a VP nasceu com grandes lendas do Counter-Strike e estabeleceu no DotA uma casa de grandes títulos. Honrando o passado de sucesso, a organização continua conquistando títulos convincentes contra os melhores times do mundo.

País da organização: Rússia

Integrantes:

  • Ilya "Illidan" Pivcaev
  • Sergey "God" Alexandrovich Bragin
  • Alexander "DkPhobos" Kucheria
  • Ilya "Lil" Ilyuk
  • Artsiom "fng" Barshack

Newbee: surpresa da edição de 2014, a Newbee seguiu uma campanha difícil na fase de grupos do ano passado, mas engrenou na etapa seguinte de forma que ninguém a deteve em direção ao título. Defendendo o título neste ano, é bem possível que eles surpreendam de novo com uma performance acima do normal.

País da organização: China

Integrantes:

  • Wang "Rabbit" Zhang
  • Zhang "Mu" Pan
  • Lin "June" Shiyang
  • Wang "SanSheng" Zhaohui
  • Wang "Banana" Jiao

Fnatic: uma das organizações mais tradicionais do eSport mundial está de volta, mas dessa vez com um time asiático. Liderados pela lenda Chai "Mushi" Yee Fung, eles representam novamente a Malásia no The International.

País da organização: Reino Unido

Integrantes:

  • Lee "kYxY" Kong Yang
  • Chai "Mushi" Yee Fung
  • Chong Xin "Ohaiyo" Khoo
  • Fadil "Kecik Imba" Bin Mohd Raziff
  • Siong Tait "JoHnNy" Lee

EHOME: organização veterana no eSport da China, a EHOME conseguiu que seu time se classificasse nas seletivas mundiais do The International. Embora contornados por algumas trocas recentes na formação, eles podem surpreender com a experiência do cenário chinês.

País da organização: China

Integrantes:

  • Yang "Zyf" Pu
  • Chen "Cty" Tianyu
  • Bai "rOtk" Fan
  • Zhang "LaNm" Zhicheng
  • Liang "DDC" Faming

CompLexity Gaming: direto do eSport estadunidense, a compLexity nem sempre apareceu no DotA 2. No entanto, ela marca presença nessa edição com um time classificado pela região da América do Norte, incluindo representantes do México e do Canadá em sua formação. Será que teremos surpresas por parte deles?

País da organização: Estados Unidos

Integrantes:

  • Luis "Zyzz" Perez
  • Kyle "swindlemelonzz" Freedman
  • David "MoonMeander" Tan
  • Zakari "Zfreek" Freedman
  • Tal "Fly" Aizik

MVP Phoenix: representante de uma nação que é potência em Starcraft II e League of Legends, a organização sul-coreana MVP apostou e muito na formação de um time de elite para representar o DotA 2 da região. O resultado está sendo acima do esperado, principalmente pela boa campanha do time no The International 4.

País da organização: Coreia do Sul

Integrantes:

  • Damien "kphoenii" Chok
  • Kim "QO" Seon-yeop
  • Park "March" Tae-won
  • Kim "Febby" Yong-min
  • Wong "Warnutz" Jeng Yih

Natus Vincere: a campeã do primeiro The International sofreu, mas finalmente conseguiu se classificar para mais uma edição do mundial de DotA 2. Depois de controversas mudanças de line-up que quase deixaram a Na’Vi fora do campeonato, o time deu a volta por cima e adquiriu a vaga por meio de uma disputada seletiva.

Até seria estranho ver um The International sem o icônico Danil "Dendi" Ishutin, não é mesmo?

País da organização: Ucrânia

Integrantes:

  • Alexander "XBOCT" Dashkevich
  • Danil "Dendi" Ishutin
  • Gleb "Funn1k" Lipatnikov
  • Akbar "SoNNeikO" Butaev
  • Ivan "Artstyle" Antonov

Tabela do evento

Atualizaremos esta seção com os resultados e as tabelas do The International 5. Inicialmente, são duas fases previstas para a competição, e você confere as rodadas de cada uma delas na seção “Cronograma”, lá no início da matéria.

Fase de grupos. A primeira etapa reunirá as 16 equipes em dois grandes grupos. Todos os times disputarão partidas entre si no formato "melhor de 2", e abaixo você confere os pontos acumulados por cada um deles até o momento.

Fase eliminatória: as quatro melhores equipes da fase anterior seguem para a tabela superior das classificatórias, enquanto as demais já vão para a repescagem. A situação dessa etapa está planejada da seguinte forma:

Os resultados e os vídeos de cada uma das partidas disputadas você confere na página oficial do evento.

O Compêndio

Os jogadores de DotA 2 podem comprar um item dentro do jogo chamado “Compêndio”, obtendo assim o direito de votar em diferentes enquetes durante o período do evento e conquistar itens exclusivos e lendários dentro do jogo.

As vendas do Compêndio também ajudaram a aumentar a premiação total do evento. Conforme o valor atingia metas maiores, mais bônus eram garantidos aos donos do livro virtual.

Ele está disponível por R$ 29,49 na loja oficial do DotA 2. O item garantirá, ao todo, os seguintes bônus: três tesouros lendários, um pack de cursores, efígies do Compêndio, telas de loadings exclusivas, emoticons, HUD do The International, provocações inéditas, wards, um terreno desértico, um pack de músicas, um pack de locutores, novos efeitos meteorológicos e um item imortal do herói Axe.

Notícias do evento

DotA 2: o que você espera para o The International 5? Comente seus times favoritos e suas expectativas no Fórum do TecMundo Games

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.