Voxel

The Witcher 3 está perto de levar PS4 e Xbox One ao limite

Último Vídeo

Depois de algum tempo desaparecida, a CD Projekt RED voltou a falar um pouquinho mais sobre o desenvolvimento de The Witcher 3: Wild Hunt. E, para a alegria daqueles que não veem a hora de acompanhar as novas aventuras de Geralt, o estúdio promete explorar muito bem o potencial dos novos consoles.

Em entrevista ao site IGN, o cofundador da empresa, Marcin Iwinski, elogiou o trabalho da equipe de desenvolvimento por conta de seu trabalho na parte visual do título, uma vez que os gráficos obtidos estão surpreendentes. Mais do que isso, ele aponta que um dos principais responsáveis por isso é o poder de fogo oferecido pelo PlayStation 4 e Xbox One.

Segundo Iwinski, essas plataformas são realmente muito poderosas e, embora ele não queira dizer que Witcher 3 vai utilizar todos esses recursos, ele tem certeza de que a CD Projekt conseguiu chegar bem perto disso.

O cofundador do estúdio ainda diz que a decisão de levar o game para a nova geração foi bastante benéfica, pois permitiu que toda a equipe pudesse trabalhar com calma em cima desses hardwares. De acordo com ele, já são mais de dois anos e meio explorando cada parte do sistema e isso vai permitir que eles coloquem no jogo tudo aquilo que eles queriam e da maneira que eles queriam. Tanto que, para ele, se Witcher 3 fosse lançado para PS3 e Xbox 360, muito do que havia sido imaginado inicialmente teria de ser sacrificado para que o resultado final não fosse prejudicado.

Só que todo esse poder não será exclusividade dos consoles. Questionado sobre as especificações necessárias nos PCs, Iwinski apenas riu e disse que todos os detalhes serão divulgados em breve e tudo o que ele pode falar é que os fãs deveriam já começar a economizar para fazer uma atualização em seus computadores.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.