The Witcher 3 teve downgrade ou não afinal? Veja novas imagens comparativas

The Witcher 3 teve downgrade ou não afinal? Veja novas imagens comparativas

Último Vídeo

O downgrade é um novo assunto nessa exigente (e por vezes chata) indústria de video games. O novo tópico começou a engatinhar em 2013, quando os jogadores passaram a reparar em detalhes que, a olhos nus, teriam sido deteriorados em comparação com o material original de anúncio. Watch Dogs foi uma grande vítima disso, e o “quesito” bombou de vez em 2014. Agora, ele já está entre nós, e é inevitável que façamos comparações nos jogos badalados que estão por vir. The Witcher 3: Wild Hunt é um deles.

Recentemente, a CD Projekt Red garantiu que não haverá downgrade no game e que a equipe adiou o jogo justamente para otimizá-lo, já que o desenvolvimento está nas etapas finais.

No entanto, os “comparadores” de plantão estão implacáveis. O usuário do NeoGAF Kostacurtas postou uma série de imagens comparando a versão de The Witcher 3 apresentada em 2013 na VGX, que foi o primeiro material in-game (quando o hype começou a crescer exponencialmente), e o jogo mostrado no último vídeo, divulgado alguns dias atrás.

O próprio usuário diz que não quer ser o “cara malvado” e que deseja apenas ter discussões sadias sobre o assunto. Ele postou tudo numa boa. Como os trailers são diferentes, os cenários não são os mesmos, mas o jogador tentou capturar os trechos mais parecidos possíveis para que a comparação ficasse verossímil. Todas as capturas foram realizadas em resolução máxima.

Comparativos

A ordem aqui é a seguinte: a primeira imagem de cada trecho representa a versão “melhor” do game, e a que aparece logo abaixo dela é a versão “pior”. Vale ressaltar: não são os mesmos cenários porque os trailers são diferentes, mas são trechos parecidos. Vejamos:

  • Imagem 1, versão melhor: aqui, Geralt está num vilarejo. As sombras estão com ótimas silhuetas, e a vegetação está densa.

  • Imagem 1, versão pior: a imagem adiante mostra um vilarejo bonito, mas, de fato, as texturas estão um pouco mais “lavadas” e há menos capricho nas sombras. Ainda assim é um jogo bonito.

  • Imagem 2, versão melhor: aqui, Geralt está num pântano, e os detalhes da água, incluindo as “espuminhas”, estão lindos. O clima vespertino está bem representado também.

  • Imagem 2, versão pior: a água parece ter sofrido um downgrade aqui. Nem as espuminhas aparecem, e a folhagem está mais serrilhada.

Imagem 3, versão melhor: Geralt está num deserto riquíssimo em detalhes. A tempestade de areia deixa resquícios nítidos, e os detalhes ao fundo estão minuciosos. O cavalo está bonito também.

Imagem 3, versão pior: aqui, o cavalo já não está tão bonito. Observem que a folhagem não se mostra tão densa e que as texturas estão um pouquinho mais opacas.

  • Imagem 4, versão melhor: a cena de combate chama atenção pelo sangue, sim, mas o que desvia ainda mais nossos olhares é a iluminação que atravessa a porta. As silhuetas estão perfeitas e quase isentas de serrilhados.

  • Imagem 4, versão pior: a cena é diferente, mas as mudanças na iluminação parecem gritantes. Observem que o raio do sol mal atravessa a janela ou a porta. O ângulo não é favorável, ok, mas o balanceamento de cores está muito melhor na imagem acima.

  • Imagem 5, versão melhor: aqui, há diferenças visíveis nos detalhes da luva de Geralt. As duas imagens adiante estão bonitas. Elas mostram o bruxo enfrentando um Grifo. A primeira, logo abaixo, é vespertina, e a segunda é diurna. Preste especial atenção na luva da mão direita de Geralt, a mesma que empunha a espada, e na roupagem do protagonista.

  • Imagem 5, versão pior: agora observe os mesmos detalhes na captura adiante. O Grifo está diferente, e as texturas do figurino de Geralt estão mais “lavadas”.

  • Imagem 6, versão melhor: as diferenças aqui não são tão gritantes. Na verdade, a captura do último trailer (o que supostamente sofreu o downgrade) parece até estar mais bonita. Ambas mostram um ataque do Grifo.

  • Imagem 6, versão pior: o inimigo passou por algumas mudanças visuais. Agora, ele está mais “cabeludo”. Há um detalhe ínfimo, porém válido, que podemos observar: a folhagem do canto. A primeira está mais densa. A que aparece adiante, mais lavada. O Grifo está bonito em qualquer versão.

Dê a sua opinião

Ainda que The Witcher 3 possa ter sofrido um eventual downgrade nesta etapa de desenvolvimento, ele continua lindo. O título não deve desapontar. A CD Projekt Red já afirmou que está nas etapas finais de trabalho e que vai entregar um resultado positivo.

É natural que existam mudanças – para melhor ou para pior – ao longo do desenvolvimento de um título tão denso assim. Esse é um novo comportamento da indústria, hoje muito moldada pela estética. Portanto, resta aguardar. O jogo foi adiado justamente para ser otimizado.

Conte-nos o que você acha nos comentários abaixo.

The Witcher 3 será lançado em maio para PlayStation 4, Xbox One e PC.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.