Voxel

Thief utiliza Unreal Engine 3 será equivalente no PC e PlayStation 4

Último Vídeo

Img_normal
O novo Thief é uma das grandes franquias que já tem passaporte carimbado para a nova geração de consoles. Mas de acordo com Stéphane Roy, produtor do título, quem ainda tiver o PC como plataforma principal não terá nada a perder, já que essa versão do game é equivalente à que está sendo desenvolvida para o PlayStation 4.

De acordo com ele, um dos fatores que influenciam isso é a decisão de usar a Unreal Engine 3 no desenvolvimento do game. Segundo Roy, essa escolha foi feita por questões de “tempo e flexibilidade – a nova versão do motor gráfico ainda estava em fase de testes quando a produção de Thief começou, impedindo que o trabalho seguisse de forma fluída na época.

A versão PC será a base para os ports para todos os outros consoles e contará com algumas funcionalidades exclusivas, baseadas em otimização da placa de vídeo. Roy não revelou exatamente o que isso significa, afirmando apenas que o abismo que separa computadores e consoles de mesa não será tão grande na próxima geração.

Uma questão, porém, será mandatória para todas as versões: o game rodará a 30 quadros por segundo. Segundo Roy, uma taxa maior do que essa não é necessária para o game que está sendo produzido, então, não há motivos para impor esse tipo de pressão à equipe de desenvolvimento.

O reboot da franquia tem lançamento marcado para o ano que vem.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.