Voxel

THQ fala sobre desenvolvimento de Metro: Last Light

Último Vídeo

Mark Madsen, da THQ, comentou alguns elementos de Metro: Last Light — continuação do bem recebido Metro 2033: The Last Refuge. De acordo com o executivo a nova edição da franquia levará em conta as sugestões e reclamações dos fãs para revigorar os elementos mais memoráveis do título original e trazer novidades quentes que manterão a série atual.

O designer da THQ admitiu que o primeiro jogo apresentava problemas na inteligência artificial dos inimigos, bem como no desempenho de algumas armas. Além disso, o esquema “financeiro” baseado em munição também não foi devidamente explicado e incorporado à jogabilidade.

Assim, essas foram apenas algumas das bases para o início de um trabalho de “reconstrução” da franquia. Essas melhorias também devem acarretar em outras mudanças, como a simplificação do HUD, a tela de interface do jogador.

Em Metro: Last Light a ideia é deixar a tela a mais limpa possível. Além de tornar a ação mais dinâmica, um HUD minimalista também proporciona maior imersão no mundo de jogo, explicou Mark Madsen em entrevista para o site VG247.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.