Por que a Ubisoft ambientou Assassin’s Creed Unity na Revolução Francesa?

Por que a Ubisoft ambientou Assassin’s Creed Unity na Revolução Francesa?

Último Vídeo

Quando a Ubisoft anunciou Assassin’s Creed Unity e mencionou que o game seria ambientado no período da Revolução Francesa, muitos jogadores devem ter se perguntado o que motivou a produtora a escolher esse evento como pano de fundo para o jogo. Durante a Comic-Con 2014, Alex Amancio, diretor criativo do game, falou um pouco sobre a escolha. 

Segundo Amancio, o time de desenvolvimento quis levar a série de volta às suas raízes e ambientá-la em um lugar grande. Daí veio a escolha por Paris (e, consequentemente, a Revolução Francesa), que, nas palavras dele, é considerada uma das cidades mais bonitas e também rica em história. 

Foi comentado ainda sobre a violência no período da Revolução Francesa e que alguns de seus eventos ajudarão a contar a história de Arno. A revolução não será o foco do jogo, mas, graças às missões da campanha e aos desafios cooperativos, o jogador terá a oportunidade de encontrar algumas figuras históricas importantes, como Marquês de Sade, Maria Antonieta e Napoleão Bonaparte. 

Em desenvolvimento para PC, Xbox One e PlayStation 4, Assassin’s Creed Unity é aguardado para 28 de outubro.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.