Ubisoft vai usar a inteligência artificial para corrigir bugs em games
222
Compartilhamentos

Ubisoft vai usar a inteligência artificial para corrigir bugs em games

Último Vídeo

Para diminuir as chances de que seus jogos cheguem às lojas com bugs, a Ubisoft anunciou nesta terça-feira (6) que vai passar a usar mais a inteligência artificial no desenvolvimento de seus games. A ideia é que mecanismos do tipo sejam capazes de detectar problemas no código dos jogos da empresa, permitindo que programadores os corrijam de forma mais rápida.

As equipes responsáveis por jogos como Assassin’s CreedFar Cry estão usando uma ferramenta chamada “Commit Assistant”, que pode até mesmo indicar quando um profissional está prestes a cometer um erro. Na prática, a intenção é que os erros sejam corrigidos antes mesmo de que eles se tornem um problema ou sejam realmente feitos.

Watch Dogs

Segundo Yves Jacquier, da área de desenvolvimento e pesquisa da Ubisoft, o Commit Assistant foi alimentado com mais de uma década de códigos usados pela empresa, de forma semelhante ao que acontece com inteligências artificiais feitas para joga xadrez. Esse não é o primeiro experimento da empresa na área: recentemente, ela anunciou o Sam, um assistente pessoal ligado ao Ubisoft Club que auxilia na jogatina feita em consoles e no PC.

Jacquier acredita que o uso do Commit pode reduzir em até 70% os custos associados às correções de bugs, graças à diminuição da ocorrência de problemas cotidianos. “Você precisa de uma grande quantidade de dados, mas também de uma tremenda quantidade de poder para lidar com esses dados e os métodos matemáticos. Isso permite que a IA faça a previsão com precisão suficiente para que os desenvolvedores confiem nela”.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.