Vingança: Square Enix abre processo judicial contra a SNK

Vingança: Square Enix abre processo judicial contra a SNK

Último Vídeo

Em maio deste ano, a SNK deu início a um processo judicial contra a Square Enix alegando quebra de patentes. De acordo com a companhia famosa pelo console Neo Geo e por diversas franquias de jogos de luta, o mangá High Score Girl (publicado pelo setor editorial da Square japonesa) utilizava frequentemente a imagem de personagens registrados pela SNK, como alguns lutadores das séries The King of Fighters e Samurai Shodown.

Como resultado, autoridades policiais do Japão realizaram uma vistoria nos escritórios da Square Enix no dia 5 de agosto, e fizeram com que a empresa interrompesse o processo de animação da publicação (que estava virando um anime) e ordenasse um recall de todas as cópias presentes nas bancas. A bagunça havia ficado por isso mesmo até a manhã desta quarta-feira (8), quando a Square anunciou que entrou na justiça para rebater legalmente as acusações da SNK.

De acordo com o comunicado (publicado no setor de notícias corporatas dentro do site oficial da companhia), a Square está cooperando com todas as investigações policiais desde a primeira busca domiciliar, e está disposta a provar no tribunal do distrito de Osaka que High Score Girl não ofende os copyrights apontados pela SNK.

Vale observar que a Capcom, Namco Bandai e Sega (cujos personagens icônicos também aparecem no mangá em questão) afirmam que deram a devida autorização para que a Square utilizasse algumas de suas marcas registradas na obra. Será que a SNK está tentando ganhar uma graninha fácil em cima da desenvolvedora de Final Fantasy?

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.