Você sabia que dá pra jogar PUBG Mobile no seu PC? Confira como!
540
Compartilhamentos

Você sabia que dá pra jogar PUBG Mobile no seu PC? Confira como!

Último Vídeo

Faz pouquíssimo tempo que PUBG Mobile saiu para dispositivos móveis e já se tornou uma febre, mas você sabia que você pode jogar a versão Android do game no PC? Isso aí: a versão de smartphone, só que com mouse, teclado e tudo que o PC te oferece normalmente para um game, inclusive a performance melhor.

Não é mágica, nem bruxaria e, talvez o melhor de tudo, é tudo na legalidade: trata-se de BlueStacks, uma plataforma que permite que você aproveite não apenas o PUBG, mas vários outros jogos de Android no conforto do seu computador.

No entanto, vamos voltar ao PUBG Mobile, a febre do momento, e os benefícios que você tem ao jogá-lo no seu PC usando o BlueStacks!

Uma experiência praticamente idêntica ao PC

Imagina a seguinte situação: você tem um PC, mas seus amigos não. Todos eles estão jogando PUBG Mobile, mas você não tem mais espaço ou seu smartphone não roda o game tão bem assim. Seu computador, por outro lado, tem uma configuração legal, mas a versão de Playerunkown’s Battlegrounds para PC não tem crossplay com a versão para dispositivos móveis.

O que fazer, então? Bom, esse é o primeiro galhão que o BlueStacks pode quebrar pra você: poder jogar a versão de Android com a galera utilizando o poder do seu PC. Não só isso: a plataforma permite que a jogatina seja feita de mouse e teclado, como o game convencional. Ou seja, além de você não precisar fritar a bateria ou ocupar bastante espaço do seu celular com o game, você ainda conta com uma experiência que é praticamente idêntica a do PC.

Para isso, o BlueStacks conta com o que a equipe por trás da plataforma chama de “Modo Battle Royale”: basta apertar F1 e você passa a andar com o tradicional W, A, S, D, mira com o movimento do mouse, dá o zoom com o botão direito e atira com o esquerdo. O Alt, assim como no PC, serve para poder olhar para os arredores e também para conferir o loot. Simples, né?

 

Além de tudo isso, tem mais uma coisa que é maneira pra caramba: como a versão mobile é de graça e o BlueStacks também, você vai poder aproveitar a jogatina sem precisar gastar nada. De quebra, se quiser curtir o seu jogo enquanto estiver por aí, você pode sincronizar sua conta e aproveitar o melhor dos dois mundos.

Não para em Playerunknown’s Battlegrounds Mobile

Talvez um dos lances mais legais é que o BlueStacks não tem só o PUBG Mobile: a plataforma tem o maior inventário de jogos gratuitos disponíveis para você jogar no computador. Ela é apoiada por uma série de desenvolvedores – que, inclusive, apoiam a otimização de controles para que você possa jogar no PC.

A plataforma de games do Android no PC suporta a versão 7.1.1 do sistema operacional – é a primeira, inclusive, capaz de fazer isso.

Se não bastasse, você ainda pode ganhar prêmios toda semana nos sorteios que são promovidos na plataforma – que incluem um PC gamer para a galera –, além de promoções frequentes.

Jogatina prática e fácil – e que pode render prêmios!

Se você se interessou, fica ligado porque a instalação do BlueStacks é superfácil, bastando ir ao site da plataforma para baixar o aplicativo para o PC – a última versão disponível é a BlueStacks +N (Beta). Lembrando que o aplicativo é gratuito.

BlueStacks PUBG Mobile

Vale lembrar que, caso as extensões de virtualização não estejam habilitadas na BIOS, um aviso será exibido na tela principal do BlueStacks. Se você precisar de alguma ajuda nesse processo, o time por trás do aplicativo montou um guia que pode ajudar.

Diferente da versão de PC do Playerunkown’s Battlegrounds, o PUBG Mobile que citamos acima exige um PC bem mais modesto. Os requisitos mínimos pedem um computador com Windows, processador com extensões de virtualização habilitadas na BIOS, 4 GB de RAM, 4 GB de espaço no HD e drivers gráficos atualizados.

Os requisitos recomendados de sistema já citam o Windows 10, um Intel Core i5-680 (passmark 3500) ou superior, com extensões de virtualização habilitadas na BIOS, chipset gráfico Intel HD 5200 (passmark 750) ou superior, 6 GB de RAM e um SSD.

Este artigo é um publieditorial.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.