Voxel

VP da Bethesda declara sua preocupação com o comércio de jogos usados

Último Vídeo

Fonte da imagem: Reprodução/A Post Nuclear Blog

Em entrevista ao site Destructoid, o vice-presidente da Bethesda disse estar preocupado com o comércio de jogos usados, já que o dinheiro dessas vendas não chega aos desenvolvedores. Pete Hines diz que as empresas tentam diminuir esse tipo de negociação ao fornecer conteúdos para download e games que levam as pessoas a jogá-los novamente.

Hines reconhece que comprar muitos jogos não é algo muito barato, porém diz que o tempo e os gastos de desenvolvimentos da equipe de produção são tão caros quanto o preço final dos games. Segundo ele, não é uma questão de implantar um modo multiplayer ou online para prender os jogadores, pois jogos desses gêneros também são repassados entre os varejistas.

Por exemplo, se os programadores da Bethesda focassem seus esforços em criar outras funcionalidades para The Elder Scrolls V: Skyrim, elas provavelmente prejudicariam toda a experiência solo e imersiva dos jogadores. Por isso, eles não fazem questão de colocar funções, como o modo multiplayer, só para que seus jogos envolvam mais as pessoas se os games não necessitam dessas funções.

Hines diz: “Não há uma solução que contente todos, os revendedores e as empresas de jogos, e talvez não haja até que se descubra um meio de incluir os desenvolvedores e os distribuidores nas negociações dos jogos usados”. 

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.