Voxel

Xbox sempre conectado é uma má ideia, concordam lojistas

Último Vídeo

Fonte da imagem: Divulgação/Microsoft
Se tem uma coisa em que gamers e lojistas concordam, é que a ideia de um novo Xbox que precise estar sempre conectado para funcionar é uma má ideia. O site MCV ouviu uma série de varejistas do ramo, que trabalham nas principais lojas da Europa, e absolutamente todos criticaram os rumores de que essa será uma das características do novo console da Microsoft.

A questão da infraestrutura foi um ponto levantado com frequência pelos entrevistados. Christopher Rogers, da rede Dixons Retail, e Don McCabe, da CHIPS, afirmaram que depender da estabilidade dos provedores de internet não é interessante. O modelo sempre conectado, porém, tem o seu lado positivo, por reduzir o tempo de download de arquivos e tornar as atualizações algo automático e transparente.

A questão dos jogos piratas e de segunda mão também foi abordada. Para McCabe, o bloqueio a games usados vai reduzir o tamanho do mercado, reduzindo a margem de lucro dos lojistas, apesar de manter o fluxo de dinheiro para a Microsoft. Robert Lindsay, diretor da rede Game Centre, concorda com isso, afirmando que esse fator pode dar uma vantagem estratégica para a Sony e o PlayStation 4.

Steven Doyle, gerente da rede Games Dojo, é mais taxativo: o bloqueio a jogos usados vai matar o novo Xbox, declarando antecipadamente o PlayStation 4 como o vencedor da nova geração de consoles. Ele lembra também que muitos consumidores não possuem consoles conectados ou conexões com banda o bastante para suportar uma ligação constante.

Por fim, todos os entrevistados chegaram à mesma conclusão: a Microsoft precisa do apoio do mercado físico para sobreviver e apostar em um modelo voltado apenas ao digital e online não é uma boa.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.