Voxel

YouTube bloqueia o lucro de vários vídeos em canais de game no site

Último Vídeo

Há poucos dias, um verdadeiro caos se instaurou em centenas de canais do YouTube que trabalham com análises e detonados de jogos. Como o site acionou um funcionamento mais rigoroso da sua ferramenta “ID do conteúdo”, várias queixas automáticas foram atribuídas a vídeos do gênero, impedindo qualquer tipo de lucro com aquele clipe por parte do canal. Um detalhe: as empresas não veem problema nessa divulgação gratuita feita pelos jogadores.

Caso você tenha sofrido com o problema, saiba que Ubisoft, Capcom, Blizzard, Deep Silver e Rebellion já se propuseram a ajudar a resolver o problema dos vídeos bloqueados – afinal, o contato do YouTube pode demorar meses para acontecer, geralmente não resolvendo nada. Agora, considerando que nas análises os comentaristas gastam muito tempo gravando, jogando, escrevendo e editando, deixar de ganhar dinheiro com os vídeos é um grande prejuízo.

Não adianta reclamar

Segundo relatos diversos, as desenvolvedoras de jogos, de modo geral, estão do lado dos canais, então não haveria problema, supostamente. Entretanto, muitas das queixas recebidas são de empresas conhecidas por possuir grandes catálogos de músicas. Ou seja, o robô do YouTube encontra nos vídeos as músicas que batem com a posse dessas empresas e bloqueia-os.

Em teoria, o dono de canal tem a chance de recorrer ao relato de violação de direito autoral. Porém, isso pioraria o problema: em vez de ter apenas o vídeo bloqueado, o canal inteiro seria processado, no caso de perder com o requerimento. A situação ainda está se desenrolando, mas o YouTube ainda não deu uma posição clara a respeito do assunto.

Você sabia que o Voxel está no Facebook, Instagram e Twitter? Siga-nos por lá.